28 de jan de 2013

A dor da morte #tragediaemSM




Uma morte sufocante que entristece... não há maneira de passar por isso sem dor. De vez em quando sentimos a morte perto da nossa realidade. Eu não acho normal alguém chegar perto dela e não sentir nada.

Eu fiquei triste hoje. Eu não conheci nenhum deles pessoalmente, eu não convivi com eles, eu não vi os seus rostos, mas eu fico triste porque eu sou humana.

Eu posso sentir a dor que aqueles pais estão sentindo porque eu tenho filhos, eu posso lamentar quantos amigos não vão mais se encontrar porque eu também tenho os meus amigos.

Eu penso, como todo mundo, que tudo isso poderia ser evitado e não entendo o porquê. Eu não deixei de acreditar em Deus, eu só estou triste.

Eu não entendo gente que no dia de hoje fez piada sem graça ou gente que demonstrou mais uma vez seu preconceito. Eu me comovi com gente que foi lá e prestou sua solidariedade.

Eu queria achar normal a morte, mas eu não acho. Eu ainda me admiro.O que essas pessoas que estão sofrendo precisam agora é de consolo e o que nós podemos fazer por eles é respeitar e orar. Se você não é capaz de fazer isso, acho que sua presença ou seu comentário são dispensáveis.

Gabriela Nunes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curtir!

Seguidores